fbpx

Brasil Sorridente: o maior programa de saúde bucal do mundo

O Programa Brasil Sorridente já atendeu mais de 110 milhões de Brasileiros(as) ao longo de 17 anos

 

Ao pensarmos em SUS, rapidamente associamos a consultórios de atenção básica à saúde. Mas há cerca de 20 anos, autoridades voltaram seus olhares para outro campo muitas vezes esquecido: a saúde bucal. Após conferências e reuniões, em 2003 foi oficialmente criado o Programa Brasil Sorridente. 

A atuação iniciou no ano seguinte, com a criação de consultórios em centenas de municípios do Brasil, implementando protocolos preventivos para que cada vez mais brasileiros(as) tivessem acesso à saúde de forma integral. Hoje, toda a população tem acesso a tratamento, incluindo grupos como gestantes e pessoas com deficiência. 

Poucos sabem, mas as doenças bucais também podem afetar outras partes do nosso corpo, algumas vezes levando até mesmo à morte. Basta que as bactérias tenham acesso à corrente sanguínea, o que ocorre em cenários onde o paciente não tem acesso ao tratamento necessário.

É por isso que consultas periódicas são tão importantes, ainda mais em populações que muitas vezes não possuem o devido acesso à saneamento básico e condições de higiene adequadas. 

O Brasil Sorridente também criou uma estrutura completa onde os pacientes contam com o desenvolvimento de próteses, realização de cirurgias bucais e até mesmo unidades móveis que chegam a lugares mais remotos. 

Desde sua criação, o Brasil Sorridente passou por uma série de evoluções que o tornaram mais eficiente, além de ampliar a capacidade de atendimento. Confira:

Fonte: Ministério da Saúde

 

O Programa se tornou referência mundial no atendimento público odontológico, acumulando números importantes como a entrega de mais de 415mil próteses dentárias. São mais de 415mil pessoas que hoje podem sorrir e ter pleno funcionamento da área bucal, o que reflete em um corpo mais saudável. O Brasil Sorridente também conta com tratamentos como a cirurgia para correção de fissuras bucais e no palato, acupuntura e muito mais. 

A grande cobertura do programa e o aumento na longevidade da população brasileira trazem novos desafios para manter o pleno funcionamento da iniciativa. Se faz necessário investir constantemente na modernização e ampliação das infraestruturas de atendimento, além do acolhimento de novas equipes. 

Porém é inegável o sucesso do programa que, além de proporcionar mais qualidade de vida, evita que simples casos de tratamentos preventivos se tornem complexas abordagens clínicas que trazem riscos à vida do paciente e acarretam em intervenções muito mais complexas. 

Você pode conferir todas as cidades atendidas pelo Programa Brasil Sorridente através da página do Ministério da Saúde, disponível neste link.